segunda-feira, 11 de abril de 2011

Here are your values.

"Os valores orientam as nossas preferências; eu prefiro isto ou aquilo em função dos valores que tenho. Por exemplo, se a igualdade de direitos  é um valor importante para mim, eu vou optar por não discriminar as pessoas pela sua raça. Por causa dos valores as coisas apresentam-se-me de forma diferenciada. Ou seja, o mundo não é todo igual para mim, há coisas de que eu gosto e coisas de que eu não gosto; há coisas que eu admiro e coisas que não; há coisas que eu respeito e outras que não respeito. É em função deste colorido que os valores conferem ao mundo, que o Homem escolhe e age. Assim, é o valor que confere sentido à vida, serve para a nossa orientação 
pessoal."

Baseado neste texto podemos tirar várias conclusões, uma delas é que os valores são nos dados por quem nos educa (educar- encaminhar e não hierarquizar), logo se nos ensinam que todos somos iguais estão a fazer uma coisa realmente correcta? Imaginem só a minha surpresa ao crescer e ao reparar que ninguém é igual a ninguém nem que todos são tratados da mesma maneira, será que esse somos todos iguais foi bem distribuído? Aqui estão os vossos valores. Quando me dizem que não se bate nos filhos ou em mulheres? Aqui estão os vossos valores. Quando me dizem que todos devem ser respeitados e eu só vejo adultos ou idosos a serem respeitados? Aqui estão os vossos valores.
Poderia até continuar....

Valores são discutíveis tal como tudo o resto na vida, não os levem tão a sério porque honestamente metade dos valores que a população humana segue são a maior merda de sempre, não digo só isto por que acho mas sim pelo que se vê na história.
A humanidade vai evoluindo ou decaindo dependendo do ponto de vista, mas antigamente um grande valor era ir à missa todos os domingos, hoje em dia quem é que põe lá os pés? Digam-me o quanto os vossos valores têm realmente valor.
Ser uma mulher respeitada era andar de saia ou vestido, cozinhar para o marido e etc... E nunca na vida andarem de calças, trabalharem... Em fim e olhem onde estamos agora.

Não me venham falar de valores quando estes se divergem tanto.

Sem comentários:

Enviar um comentário