segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Life's pretty lonely ~




Pensei que o frio, que nos entranha a pele em Janeiro, era suficiente para sentirmos o Inverno, mas no Inverno, sentimos o frio e a solidão a amarrarem-nos ao chão.

É as ruas estarem desertas por tanto chover, é a humidade escorrer pelas paredes do quarto e o céu se encher de bulor.
Abrir a boca para apenas discurdar, porque quando estamos sozinhos, não nos queremos iludir que não estamos, a sensação de solidão disfarçada é pior que a angustia de não se ser real consigo próprio. Acabamos a vida a não ter as meias iguais, a espremer o sumo das laranjas sozinhos, apenas para ver cores onde os outros apenas vêm o laranja, quando o laranja tem aquele tom de amarelo com magenta, que não se pode encontrar no azul.
A solidão, a nuvem de alcatrão que esvoaça pelo ar.